29 C
Brasil
domingo, julho 3, 2022

Caso Flordelis: Justiça retoma julgamento da morte de Anderson do Carmo nesta quarta

O julgamento de envolvidos no assassinato do pastor Anderson do Carmo começou nesta terça-feira, 12, no Tribunal do Júri de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro. Os trabalhos continuam, foram roladas 17 testemunhas apenas para essa primeira fase do julgamento. Ao todo, serão julgados nove réus, sendo quatro nesta primeira fase e o restante mais a frente. O julgamento de André Luis de Oliveira, filho de Flordelis, estava marcado para terça, mas teve que ser adiado depois que seu advogado passou mal. Já o julgamento da ex-deputada Flordelis, acusada de ser a mentora do crime, está previsto para o dia 9 de maio.

A primeira testemunha a ser ouvida nesta terça-feira foi a delegada Barbara Lomba, que iniciou as investigações sobre Anderson do Carmo, morto com mais de 30 tiros na garagem de casa. Em seu depoimento, a delegada destacou que um dos principais para o assassinato do pastor foi o descontentamento de Flordelis e alguns filhos com o poder dele, que era responsável pelas finanças na família. Em seguida, o delegado Alan Duarte foi ouvido, tendo sido responsável por indiciar a ex-deputada como mandante do crime. Flordelis foi presa em 2021 dias depois de perder o mandato por quebra de decoro parlamentar. Até agora, dois filhos dela foram condenados: o biológico, Flávio dos Santos, autor dos disparos, e Alan dos Santos, filho adotivo que comprou a arma do crime. O primeiro foi condenado há mais de 33 anos de prisão. Já o filho adotivo, a sete anos e meio por ter colaborado com as informações.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Ultimas Notícias